Notícias

Coleta de leite humano do projeto Bombeiro Amigo do Peito está abaixo do necessário

18/05/2017 - Geórgia Milhomem/Governo do Tocantins

O projeto Bombeiro Amigo do Peito, de coleta de leite humano, precisa de mais doações para atingir a meta de oito coletas diárias. Hoje, esse número não passa de quatro. Na Semana Nacional de Aleitamento Materno, de 19 a 25 de maio, os bombeiros alertam sobre a importância da amamentação e a necessidade da doação.

“Para que consigamos atender a demanda do Banco de Leite Humano do Hospital Dona Regina em Palmas, é preciso coletar pelo menos oito litros de leite por dia. Esse leite é utilizado na alimentação de bebês que nasceram prematuros, com algum problema de saúde ou que as mães não têm leite suficiente para amamentar”, ressaltou o tenente Jarbas Borges, coordenador do projeto Bombeiro Amigo do Peito.

Os bombeiros vão até a casa de cada uma das mães doadoras e já, na primeira visita, explicam como o leite deve ser coletado e armazenado, além do processo de higienização. As doadoras recebem um kit, contendo touca e máscara descartáveis, um vidro esterilizado para coleta e um folder com orientação sobre a retirada do leite (ordenha).

O projeto tem como objetivo promover o processo de captação de leite materno para o Banco de Leite Humano do Hospital Dona Regina, em Palmas. Após passar por um processo de pasteurização e controle de qualidade, o leite doado é destinado aos bebês internados na Unidade de Tratamento Intensivo Neonatal do Hospital.

Semana de Aleitamento

A coordenadora do Banco de Leite do hospital, Walkíria Pinheiro, destaca que a Semana de Aleitamento é um momento de sensibilização da sociedade, assim como uma iniciativa a mais para a proteção e a promoção do aleitamento materno. “É uma oportunidade de divulgar a importância da doação do leite materno e como ele faz a diferença na vida dos bebês internados nas unidades neonatais. O leite é mais que um alimento, é um medicamento que ajuda na recuperação dessas crianças”, pontuou.

As mães interessadas podem ligar no telefone do Corpo de Bombeiros: 193.

Compartilhe esta notícia