Notícias

Artesãos de Miracema recebem Carteira Nacional durante solenidade de transferência da Capital

07/12/2017 - Patrícia Saturno/Governo do Tocantins

Artesãos do município de Miracema do Tocantins receberam, nesta quinta-feira, 7, das mãos do governador Marcelo Miranda, acompanhado do secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden), Alexandro de Castro, a Carteira Nacional do Artesão. A entrega fez parte da programação da transferência da Capital do Estado para Miracema, que ocorre anualmente no dia 7 de dezembro.

Representando os demais artesãos cadastrados no Sistema de Informações Cadastrais do Artesanato Brasileiro (Sicab) pela equipe da Superintendência de Desenvolvimento da Cultura da Seden, os artesãos Fernanda Fonseca, Júnior Cesar Coronheira Silva, Janete Resplandes, Sylvana Alcântara, Luzia Maciel e Nilza Alves receberam suas carteiras, passando a contar com documento de identificação profissional.

A medida, de acordo com o secretário Alexandro de Castro, é de grande importância pelos benefícios diretos aos artesãos e também por oportunizar o fortalecimento desses profissionais no coletivo. “Este trabalho de cadastramento que estamos realizando insere os artesãos tocantinenses em todo o programa de artesanato brasileiro, permitindo que, a partir do cadastramento e da emissão da sua carteira, eles tenham acesso a linhas de crédito, a exposições e aos programas estaduais e federais de incentivo ao artesanato. Além disso, permite a criação de uma identidade própria, fazendo com que pequenas associações caminhem rumo à cooperação e possam, dentro de pouco tempo, se constituir enquanto cooperativas, o que irá garantir uma organização e apoio maiores para essa forma de renda extremamente produtiva para grande parte da população tocantinense”, analisou.

Por sua vez, a superintendente de Desenvolvimento da Cultura da Seden, Noraney Fernandes de Castro, lembrou que dar a oportunidade de acesso à Carteira Nacional do Artesão é uma forma de valorização, por parte do Estado, dos trabalhadores dessa área. “O Governo do Estado do Tocantins está valorizando todos os profissionais da área do artesanato. E nós, hoje, em um momento muito especial e dinâmico aqui de Miracema, estamos entregando a carteira dos artesãos”, explicou.

Falando em nome dos artesãos do município, Areolina da Paz Dias Silva, presidente da Associação de Integração Social de Miracema, destacou a importância do apoio do Governo para fortalecer o setor. Segundo ela, graças a este apoio, a entidade, que agrega os artesãos, oferece uma série de cursos na área do artesanato a pessoas carentes e tem se mantido em ação. “O trabalho dos artesãos de Miracema está tendo uma grande satisfação, um grande retorno, porque a gente está ajudando várias pessoas carentes no desenvolvimento de peças de crochê, costura, bonecas, artesanato com madeira e tudo que dá para reciclar, além de informática e outros cursos. Com isso, a gente tem, em média, 50 a 60 alunos”, explicou a artesã.

Desde que foi criada, em 2003, a entidade já atendeu milhares de pessoas, conforme Dona Areolina.

Exposição

Durante a solenidade, a Seden proporcionou, aos artesãos do município, a exposição e a comercialização de peças produzidas. A exposição ficou por conta da Associação de Integração Social de Miracema, que levou bonecas, peças em crochê, peças em madeira, dentre outras para divulgação.

Como obter a carteira nacional

Desde o mês de outubro, a Seden está realizando o cadastro dos artesãos tocantinenses para emissão da Carteira Nacional do Artesão. O documento é gratuito, sendo emitido após o registro do artesão (feito pela equipe da Seden) no Sicab.

Para tanto, uma equipe da secretaria está percorrendo diversos municípios do Estado e, naqueles onde não chega presencialmente, foi firmada parceria com as secretarias Municipais de Cultura e Associações da categoria para realização do cadastramento. Os interessados em obter a Carteira do Artesão devem apresentar, no ato do cadastro, os seguintes documentos: RG, CPF, comprovante de residência e fotocópias, além de uma foto 3×4 recente. Cada artesão deve apresentar uma peça produzida e materiais para confecção da mesma durante o cadastramento.

Atualmente, no Estado, são 734 artesãos cadastrados, mas a expectativa é de que esse número aumente depois desta ação.

Capital por um dia

Uma vez por ano, o município de Miracema se torna capital por um dia do Tocantins. A transferência é determinada na Constituição Estadual e é uma forma de resgatar a história e memória de criação do Estado. Miracema foi a Capital Provisória do Tocantins de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 1989.

Compartilhe esta notícia